Persefonando...

Aquele brilho no olhar ao acordar

se virar para o lado e simplesmente sorrir

um sorriso sincero

daqueles com um beijo escondido no canto esquerdo.

Se levantar, abrir a janela da vida e desejar

um bom dia pra mim

pra você.

Um muito bom dia pro mundo.

Se isso é amor?

Respondo sem nem cogitar outra possibilidade.

É amor sim, amor pela vida

e pela vontade de ser feliz.

- MusaS 19.02.2014

"Onde queres o ato, eu sou o espíritoE onde queres ternura, eu sou tesãoOnde queres o livre, decassílaboE onde buscas o anjo, sou mulher…”
 
Foto por: Leticia Ichnaz
28 de outubro de 2013.

"Onde queres o ato, eu sou o espírito
E onde queres ternura, eu sou tesão
Onde queres o livre, decassílabo
E onde buscas o anjo, sou mulher…”

 

Foto por: Leticia Ichnaz

28 de outubro de 2013.

http://www.youtube.com/watch?v=zmAgYR31MMI

Vem surgindo um novo tempo,
Traz glórias do divino
Mais puros e atentos
Nos tornamos canais do infinito (2x)

Mãe divina eu quero ser
Um filho realizado
E é perante o seu poder
Que me entrego pra se libertado (2x)

Como um rio que corre para o mar
Correntezas carregam o medo
Confiança para atravessar
A fronteira do eu derradeiro (2x)

Não há desculpas para se escorar
Já foi dito a hora é essa
O tempo é de se integrar
Abraçando o que ainda resta (2x)

Estou morrendo para o passado
E nem anseio pelo o futuro
Minha coroa tem brilho dourado
Provo o néctar do amor maduro (2x)

Passageiras do vento e a Trip do amor

Eis que finalmente consegui um tempinho pra colocar no papel, ou melhor, na telinha, uma parte do que tem sido essa Trip que teve início em 29 de dezembro de 2013.

Partindo do começo: Dia 29 de dezembro de 2013 saímos de Arraial D’ajuda - BA, eu e Flor rumo ao Universo Paralello de carona com um casal de amigos, Petra e Cacá, sem nem imaginar o que estava nos esperando! Chegamos na praia de Pratigi por volta das 20h do dia 29, eu não tinha conseguido comprar o ingresso do UP ainda e estava pronta pra gastar 550 reais (com dor no peito) e ficar com 100 no bolso para curtir o festival e voltar para Arraial = MISSÃO IMPOSSÍVEL. Mas vamo que vamo! Chegando lá o Universo sorriu para mim e eu não precisei nem tocar no meu dinheiro! Gratidão UP e anjos que cruzaram meu caminho! 

O festival como sempre foi mais do que amor. Agradeço por ter conhecido tanta gente maravilhosa lá e por ter vivido experiências lindas!

Eis que dia 4 de janeiro de 2014 se encerra esta etapa, os planos de voltar pra Arraial são adiados e juntamente com Manu e Flor decidimos seguir rumo à Barra Grande.

Da praia de Pratigi à Barra Grande são 01:30h de barco, o primeiro barco saía só dia 05 às 8h, desmontamos acampamento, deixamos tudo arrumado, apenas saco de dormir e colchonete pra fora, dormimos todas juntas na tenda dos bombeiros que já tinha sido liberada, conhecemos o Vitor (japa) de sampa na mesma missão de Barra Grande, coligamos e no dia seguinte pegamos o barco rumo à felicidade!

Chegamos em Barra dia 05 pela manhã e ficamos até dia 10 pela tarde, nesse tempo fomos super bem acolhidas pela Tia Ivete, com seu camping de frente para a praia ;) Conhecemos os amigos do Vitor que estavam trabalhando numa pousada, Maré Alta. Nas noites expomos na feirinha e tivemos o privilégio de conhecer mais gente linda, Rasta, Dalila, Felix e Josi! Muita luz para vocês =D Gratidão!

Dia 10 pela tarde continuamos a Trip. Conseguimos um super desconto numa lancha que nos deixou em Camamu, de lá busão para a Ilha de Itaparica! Passamos a noite em Itaparica e no dia seguinte saimos rumo à Chapada Diamantina!

Pegamos uma van que cobrou apenas uma passagem e levou nós três para Santo Antônio de Jesus, pelo caminho passamos por Nazaré (a cidade do Vampeta, é AQUELE Vampeta que mora lá ainda). De Sto Antonio conseguimos uma carona para um posto próximo à Feira de Santana com Rafael e seu filho João de 4 anos =D Obrigada meninos!!!

Saindo do posto conseguimos outra carona com um caminhoneiro que estava indo para as redondezas e ia passar por Feira, super solidário nos deixou em Feira e seguiu viagem! Chegando em Feira de Santana fomos para a rodoviária pegar o bus para Lençois, chegando lá adivinha: passagens esgotadas! HAHAHA já estávamos prontas para passar a noite no chão da rodoviária quando descobrimos que dava para pegar um bus para Tanquinho que estaríamos a 26km de Lençois. ISSO AÍ! Chegamos em Tanquinho com mais 7 pessoas na mesma situação que a nossa na madruga, colchonetes no chão e dormimos em baixo de uma tendinha de beira de estrada, galera se revezando pra dormir tendo sempre alguém pra cuidar das malas. 

Acordamos às 5h e conseguimos um carro que nos levaria para Lençois por 5 reais por pessoa! NA HORA! Chegamos hoje em Lençois por volta das 6h, já conseguimos lugar pra deixar nossas mochilas, já comemos tapioca e cuscus na feirinha e a missão agora é: RESSONAR FESTIVAL.

E a Trip do amor continua…

GRATIDÃO!

Em cada luz de mercúrio
Vejo a luz do teu olhar
Passa as praças, viadutos
Nem te lembras de voltar
De voltar, de voltar
No Corcovado
Quem abre os braços sou eu
Copacabana
Esta semana o mar sou eu
Como é perversa a juventude
Do meu coração
E só entende o que é cruel
O que é paixão

Belchior. Paralelas

Não quero sugar todo seu leite
Nem quero você enfeite do meu ser
Apenas te peço que respeite
O meu louco querer
Não importa com quem você se deite
Que você se deleite seja com quem for
Apenas te peço que aceite
O meu estranho amor

Ah! Mainha deixa o ciúme chegar
Deixa o ciúme passar e sigamos juntos
Ah! Neguinha deixa eu gostar de você
Prá lá do meu coração não me diga
Nunca não

Teu corpo combina com meu jeito
Nós dois fomos feitos muito pra nós dois
Não valem dramáticos efeitos
Mas o que está depois

Não vamos fuçar nossos defeitos
Cravar sobre o peito as unhas do rancor
Lutemos mas só pelo direito
Ao nosso estranho amor